8 de mar de 2008

2007: SASHA E XUXA VISITAM ALDA NOS EUA

TRÊS GERAÇÕES DO CLÃ MENEGHEL ANTECIPAM FESTA DO DIA DAS MÃES


Mais do que qualquer uma de suas inúmeras conquistas pessoais e profissionais, a maternidade é, sem dúvida, o fato mais marcante na vida de Xuxa Meneghel (44). O amor que nutre por Sasha (8), sua filha com Luciano Szafir (38), fica evidente nas palavras e atitudes. “Estar com ela é estar mais perto de Deus”, conta a apresentadora, emocionada. Este mesmo sentimento de afeto permeia sua relação com a mãe, Alda (65). Assim, não mede esforços para reunir as três gerações do clã Meneghel. Na última semana, ela aproveitou uma folga nas gravações do TV Xuxa e viajou com a filha para Orlando, EUA, onde Alda está morando. Vítima do Mal de Parkinson, a mãe de Xuxa encontra força e conforto no carinho da neta e da filha para superar o problema. “Sempre procuro estar perto dela, eu necessito disso”, enfatiza a apresentadora, que acabou comemorando com antecedência o Dia das Mães. “Foi ótimo. Nos divertimos muito”, garantiu Xuxa.Prestes a completar 9 anos, em 28 de julho, Sasha é o grande orgulho da família. Com estilo próprio, a pré-adolescente já demonstra ter herdado o carisma e a beleza da mãe. “Sou uma pessoa de muita sorte por tê-la como filha”, baba a loira, que recentemente realizou um sonho radical da menina ao voar de parapente, no Rio. Dez quilos mais magra após se submeter a uma dieta orientada pelo endocrinologista Filippo Pedrinola, na qual fez caminhadas diárias, cortou o chocolate e se alimentou basicamente de frutas, legumes e verduras, Xuxa mostra fôlego e animação de sobra para cumprir a atribulada agenda profissional de 2007. Além do TV Xuxa, ela faz turnê do show Festa, lança o Só Para Baixinhos 7 e se prepara para comandar, no segundo semestre, um novo programa semanal para a família.– Quais os planos para este Dia das Mães e o que a data representa para você?– Pretendo ficar com a Sasha. Se o Dia das Mães é para comemorar a importância de ser mãe, então eu festejo a data todos os dias. Tento estar sempre com minha mãe também, conversamos muito. O mesmo acontece comigo e Sasha. Mas isso não ocorre só no segundo domingo de maio, fazemos de todos as horas que passamos juntas, momentos especiais.– O que você, Sasha e Alda curtem fazer quando estão em Orlando?– Assistimos a filmes, TV, brincamos, saímos para passear. É tudo muito gostoso. Minha mãe brinca com a Sasha na piscina, em todos os lugares. Elas são os meus maiores amores. Estar com minha filha é estar mais perto de Deus. E estar com a minha mãe é estar nos braços dele. Assim eu me sinto protegida.– Sasha prepara alguma surpresa na data?– Ela me surpreende diariamente, me fala coisas incríveis, é uma menina super carinhosa. Sasha tem um coração lindo, vejo isso em seus pequenos atos. Sou uma pessoa de muita sorte. Além de ter uma linda mãe, tenho uma linda filha, tanto por dentro quanto por fora.– Você brinca muito com sua filha?– Faço questão de ter este tempo para ela. Outro dia fizemos a brincadeira de pegar maçã com a boca dentro da água. Brincamos também de passar balas de um prato para o outro com um canudo. Primeiro a gente botou 10 em cada prato, depois 20, 30. Quando chegou em 50 já estávamos tontas (risos).– Como você impõe limites?– Sempre com diálogo. Quando não gosto de algo nós conversamos. Sasha me escuta muito.– Você é uma mãe liberal? Está preparada para quando ela começar a namorar?– O que mais quero é ver a felicidade dela. E quem a fizer feliz, me fará também.– Você sempre viu mães fazendo de tudo para que seus filhos se aproximem de você. Já ‘pagou algum mico’ pela Sasha?– Ah, vários, mas em grau menor com alguns personagens que ela queria ver. O que dá para entender sendo mãe é que o desejo do nosso filho é um desejo duplo nosso. Quando realiza algo para você, por exemplo, conhece uma pessoa que gosta, fica feliz. Mas quando realiza o sonho do seu filho, fica radiante, se acha poderosa. E esta felicidade é sempre maior que a do filho. Ele talvez vá curtir, mas com um lado tímido. A mãe, não. Ela já passou por tudo isso, superou e fica felicíssima. É uma ‘pagação de mico’, mas com assinatura embaixo. Quem é mãe faz certas coisas amarradona.– Além dos elogios, se sente mais disposta após ter perdido 10 quilos?– Estou agora com 58 quilos (ela mede 1m77). Esse era o peso que queria chegar. Estou me sentindo bem e muito feliz com isso. Mas a beleza exterior de uma pessoa não pode ser mais importante do que os seus valores.

REVISTA CARAS

Nenhum comentário: