12 de mai de 2008

Xuxa fala ao EGO sobre o dia das mães

Em homenagem ao dia da mães, Xuxa , em entrevista ao EGO, falou o que a data representa para ela. A apresentadora comentou sobre o assédio da imprensa à sua filha Sasha, um dos primeiros bebês famosos a receber toda atenção da mídia, e de como educa a menina, que este ano completa dez anos. Ela também contou que o fato de ser uma das mães mais famosas do Brasil não a impede de participar do dia-a-dia da filha.



EGO:Como é um dia das mães típico na casa da Xuxa?
XUXA MENEGHEL: Para mim, todo dia é dia das mães, dos filhos... Não tenho data para demonstrar carinho as pessoas que amo. É muito bom ouvir o “eu te amo” que a Sasha me diz toda noite antes de dormir. Ela diz: “mãe eu te amo muito! Meu coração tá apertado de tanto amor!”.ela me aperta, me beija...esse é o melhor presente! Agradeço a Deus todos os dias por tê-la perto de mim. Eu dou muito valor a cada gesto, cada palavra dela, a tudo que aprendo com ela todos os dias.

EGO: Você é uma mãe muito famosa e a Sasha foi um dos primeiros bebês a sofrer todo esse assédio da imprensa.
XUXA MENEGHEL: Acho que quando ela nasceu houve um pouco de exagero, talvez por inexperiência minha, acho que eu não a protegi da maneira que deveria. Com o passar do tempo ela foi criando uma forma muito particular e bacana de tratar a imprensa. No final de semana fomos ao teatro, aí ela virou para um fotógrafo e disse: “quem é você?” E ele imediatamente se apresentou e disse: “é a última foto, tá sasha?”. Pôxa, eles nunca fizeram isso comigo!!! A relação deles hoje é muito legal. Ela consegue se colocar num lugar diferente e eles respeitam a vontade dela. Ás vezes eu fico chocada, acho esse respeito muito legal.

Sasha seguindo os passos da mãe famosa

EGO: Como é a rotina de vocês? Você consegue ir a uma reunião na escola dela, por exemplo, afinal de contas você também é ídolo das mães de muitas dessas crianças?
XUXA MENEGHEL: Quando ela volta do colégio e eu não estou gravando fazemos os deveres de casa, jantamos, brincamos, vemos TV, jogamos buraco ou computador, vemos filme, tomamos banho... Quando eu a coloco pra dormir, ficamos conversando sobre como foi nosso dia mais ou menos meia hora, rezamos juntas e dormimos. Ela tem que acordar às 6:30h e sempre diz antes de sair de casa: “boa noite, mãe. Bom trabalho!”. Quando tem alguma ocasião especial no colégio eu levanto e a ajudo a se arrumar e depois volto a dormir. Normalmente durmo até 10, 11h. Quando não trabalho a tarde eu a busco no colégio e levo para as atividades: ginástica olímpica, balett ou natação. Quando posso assisto as aulas. Ela fica hiper feliz e eu hiper orgulhosa!

EGO: O que como mãe acredita que seja a melhor coisa para afastar a filha de coisas ruins?
XUXA MENEGHEL: Tentar ouvir o máximo o coração. Amar de verdade, com paixão. Quando fazemos isso chamamos coisas boas para perto da gente. Usar boas palavras,dar o melhor para quem amamos. Acho que isso já é um grande passo para afastarmos nossos filhos do mal. Agora se o que você oferece é desrespeito e desprezo...a criança cresce acreditando e apostando em coisas ruins. A criança que cresce com amor e carinho, consegue distinguir melhor o bem e o mal.

EGO: Você e o Luciano Szafir estão juntos de novo, então você pensa em ter outro filho? A Sasha pede um irmão?
XUXA MENEGHEL: Desculpa, mas não falo sobre esse assunto.

Nenhum comentário: